Informativo

FNDE – FNDE DISPONIBILIZA VÍDEOS INSTRUTIVOS SOBRE SISTEMA DE OBRAS E PRESTAÇÃO DE CONTAS


          Com o objetivo de prestar assistência técnica aos gestores municipais e estaduais de educação de maneira ainda mais eficiente, o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), autarquia vinculada ao Ministério da Educação, lança nesta segunda-feira, 9, vídeos instrutivos sobre o Sistema Integrado de Monitoramento Execução e Controle (Simec Obras 2.0) e o Sistema de Gestão de Prestação de Contas (Contas On-line).

          Tratam-se de apresentações e tutoriais que vão ajudar técnicos e gestores que frequentemente precisam alimentar os sistemas com informações referentes à execução de obras e de programas do FNDE. Os vídeos serão disponibilizados nas páginas dos sistemas (SiGPC/Contas on-line e SIMEC), disponíveis no portal do FNDE.

          De acordo com Fabrício Araújo, coordenador-geral de Implementação e Monitoramento de Projetos Educacionais do FNDE, a ideia é facilitar a vida dos gestores, uma vez que um manual apenas de leitura pode se tornar cansativo e não atingir o objetivo proposto.

          “Os vídeos referentes ao Painel Obras 2.0 são curtos, de fácil entendimento. Caso o técnico tenha dúvida a respeito de algum processo, ele poderá buscar pelo vídeo específico e solucionar seu problema de maneira mais ágil”, explicou o coordenador-geral.

          O mesmo se aplica aos vídeos sobre prestação de contas. São aproximadamente 30 tutoriais, cada um com cerca de três minutos de duração, que objetivam explicar detalhadamente ao usuário a maneira correta de prestar contas ao FNDE sobre os recursos investidos em suas regiões.

          “Essa é uma ação inédita do FNDE, que se caracteriza como um avanço no sentido de orientar e auxiliar os gestores locais. Os vídeos sobre o SiGPC vão desde como obter a senha do sistema até como enviar a prestação de contas. Além disso, também iremos disponibilizar um manual com telas intuitivas, para diminuir a possibilidade de erro no preenchimento do sistema”, afirmou Olímpio Durães, coordenador de Tomada de Contas Especial do FNDE.

          Publicado em 06 de outubro de 2017

          Fonte: FNDE Assessoria de Comunicação Social


Próximo Voltar